sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

João Brasil e a cultura mashup: uma viagem de 365 dias

Para quem não conhece João Brasil não vou perder tempo explicando. Vá aqui. Ele está publicando em seu blog 365 Mashups 1 mashup por dia perfazendo 365 misturas inusitadas. O mais legal da obra de João Brasil é o passeio que ele faz pela música popular brasileira e mundial. E isso sem preconceito nenhum. Rola desde funk carioca, bossa nova, rap nacional, forro, aché, timbalada e o que você nunca imaginou que pudesse ser enquadrado em uma mesma música. Saca misturar Ramones com Passion Pit, Calipso e Britney Spear? Não acredita que algo possa sair disso? Veja aqui o resultado:

João Brasil é um exempo da cultura mashup. Um olhar sobre toda a produção cultural, tecnológica e científica do passado numa espécie de sinergia do conhecimento desse começo de milênio. Em um mundo onde o conceito wiki parece preponderar, o mashup é sua expressão mais notável.
João Brasil não tem medo de ousar. Mistura tudo mesmo. Faz conexões onde a lógica purista jamais ousaria se meter. Misturar Beatles com funk carioca? Nem pensar!
Eu já acho isso tudo a ver com ser criativo. Pensem bem, é exatamente isso que nós fazemos em nossas profissões de comunicação social. Analisar o que está por ai e fazer as conexões corretas. Exatamente como João Brasil faz.
Para vocês terem uma ideia do que estou falando, segue alguns mashups desse cara:
Jay Z vs Rita Lee:
99 perfumes (João Brasil) by lontramusic
Jay Z e Novos Baianos:
Justify my dois mil réis - João Brasil by lontramusic
Jay Z e Sarajane:
Dirty of your roda (João Brasil) by lontramusic
The Beatles e Daize Tigrona:
Let it injeção be (João Brasil) by lontramusic
Phoenix vs Portinho:
Batuque 1901(João Brasil) by lontramusic
Daft Punk vs Sergio Mendes:
One more batucada (João Brasil) by lontramusic
Ouçam sem preconceito.
Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...